Arrasador em revanche contra japonês, Hugo Calderano se classifica para as quartas de final do Grand Finals

13/12/2019 03:09

Adversário havia eliminado o brasileiro de um Mundial e uma Olimpíada, mas não foi páreo nesta madrugada; número 2 do mundo é o próximo desafio

FOTO DE ARQUIVO: Calderano teve grande atuação na China. Crédito: ITTF.

 

Zehngzhou (CHN), 13 de dezembro de 2019.

Por: Assessoria de Imprensa – CBTM

Hugo Calderano estreou com vitória no ITTF World Tour Grand Finals, torneio que reúne os melhores do Circuito Mundial de Tênis de Mesa na temporada. E com triunfo sobre um adversário que estava engasgado há três anos. Ele derrotou o japonês Jun Mizutani, atleta que enfrentou anteriormente – e perdeu – apenas duas vezes: no Campeonato Mundial de 2015 e nos Jogos Olímpicos de 2016. Na madrugada desta sexta-feira (13), em Zhengzhou, na China, o brasileiro levou a melhor: 4 a 1 (11/6, 11/9, 12/14, 11/4 e 11/6).

Nas quartas de final, um osso bem duro de roer: o número 2 do ranking mundial, o chinês Fan Zhendong. Em 2018, os dois atletas se enfrentaram nesta mesma fase do Grand Finals e o brasileiro venceu. A partida está marcada para a madrugada de sábado, às 2h50 (horário de Brasília).

No jogo desta sexta, o brasileiro não estava disposto a dar nenhuma chance ao japonês. O que se viu no primeiro set foi um Calderano muito concentrado, extremamente agressivo, com golpes potentes e jogando um nível bem alto, principalmente nos momentos decisivos da parcial.

No segundo set, Mizutani passou a dificultar mais a vida do brasileiro. O jogo foi extremamente equilibrado na parcial e quem conseguisse abrir uma mínima diferença poderia levar a melhor. Foi o que que aconteceu. Calderano foi perfeito no momento decisivo, quando a partida estava empatada em 9 a 9, e confirmou os dois pontos seguintes.

O equilíbrio continuou no terceiro set e novamente o placar seguiu para o empate em 9 a 9. Calderano teve set point a seu favor, mas não conseguiu confirmar. Mizutani virou e fechou em 14 a 12.

O quarto set projetava um equilíbrio parecido. Mizutani comandou o placar até o 4 a 3. A partir deste momento, só o brasileiro jogou: oito pontos consecutivos e vitória por 11 a 4.

Na quinta parcial, Calderano repetiu o que fizera anteriormente. Estava perdendo por 3 a 2 e começou a imprimir um ritmo intenso, virando para 5 a 3. O técnico do japonês pediu tempo, mas nada era capaz de deter o brasileiro, que fechou em 11 a 6. Que venha o chinês!

"É otimo ver de novo o Hugo pelo menos nas quartas de final dos abertos internacionais. A concorrência é alta e está novamente presente entre os melhores. Hoje, ele dominou todos os momentos da partida, o Mizutani teve dificuldade para desenvolver o jogo dele. O Hugo se mexeu muito bem, conseguiu se impor fisicamente, mas teve tambem controle no jogo curto. Ele pode ficar bem satisfeito com seu desempenho, por ter conseguido chegar com esse foco e esse nível nesse momento do ano. Amanhã vai ser um novo desafio, o Fan Zhendong está no seu melhor momento dos últimos meses e ganhou vários títulos. Vai ser interessante ver quem terá a capacidade de impor seu jogo", disse o técnico Jean-René Mounié.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes - claudia@fatoeacao.com
Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br
fatoeacaocomunicacao@gmail.com

 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa